Morador se queixa de obra ilegal: apesar de diversas denúncias e do embargo, construção segue adiante

Venho por meio desta  denunciar uma construção em andamento, mesmo estando embargada pela secretaria de obras do município de Paraty.

Em fevereiro de 2017, esta construção foi iniciada de forma  irregular (a foto em anexo tirada esta semana  pode ilustrar melhor) e portanto sem autorização legal em um terreno atrás da minha  residência.

Na ocasião denunciamos o fato ao Ministério Publico Federal situado  em Angra dos Reis,  à Secretaria Municipal de Obras (SEDUMA) e ao CAU – RJ (Conselho de Arquitetura e Urbanismo).

Todos estes órgãos se manifestaram e atuaram de uma forma ou de outra, sendo que a SEDUMA e CAU  estiveram com  fiscais  autorizados no local avaliando a denuncia.

Disto tudo resultou  em  um auto de embargo no. 3818 emitido e lavrado pela prefeitura de Paraty em 07/03/2017.

Com esta disposição está construção foi momentaneamente paralisada.

Entretanto passados dois anos e meio (novembro de 2019) o  responsável por esta construção resolveu retoma-la.

Novamente fomos até a secretaria de obras (SEDUMA) e  denunciamos  a retomada desta construção com fatos e fotos. Obtivemos um novo protocolo de aceitação da denúncia.

Alguns aspectos desta construção chamam a atenção a saber :

– Localização
– Execução não obedecendo as boas práticas da construção civil (por exemplo:não possui colunas estruturais)

Por tudo descrito acima considero esta construção de alto risco  para quem possa habita-la e principalmente um risco de vida para as pessoas da minha família que moram na minha residência dada a proximidade desta construção em relação ao muro que separa os terrenos.

Esta denúncia tem por objetivo :

– Coibir construções,  que mesmo embargadas, possam causar acidentes graves.

Lembrando que esta  denúncia em particular é diretamente e somente contra o responsável desta construção.

Os órgãos fiscalizadores da prefeitura  de Paraty tem atuado neste caso, entretanto a ousadia do responsável por esta construção deve ser ressaltada, ignorando totalmente as autuações que o mesmo já foi submetido.

Entendo que este  é um dos muitos casos de construçoes irregulares  existentes.  Entretando esta construção extrapolou pelo risco que representa.

 Sr. Vainstein

Construção irregular fica na Rua do Coleiro, no bairro do Caborê
guidonietmann

guidonietmann

Guido Nietmann é fotógrafo e mora há 7 anos em Paraty. Em parceria com a fotógrafa Roberta Pisco, criou a Fotos Incríveis, empresa especializada que atua com fotografia imobiliária, gastronômica, fotografia aérea, fotografia de produtos e também com ensaios. Apaixonado por Paraty, não se cansa de retratar as belezas da cidade e nutre uma paixão  especial pela Igreja de Santa Rita! Contato e mais informações: www.fotosincriveis.com.br

5 comentários em “Morador se queixa de obra ilegal: apesar de diversas denúncias e do embargo, construção segue adiante

  • Avatar
    7 de dezembro de 2019 em 11:28
    Permalink

    É de fato, um absurdo, vermos que haja pessoas que constroem sem nenhum senso de respeito às leis de segurança na construção civil. Esse tipo de gente, coloca não só em risco a integridade de sua família, quanto de outras! Os órgãos competentes deveriam demolir sumariamente esse tipo de construção, uma vez que já tenha sido fiscalizada e embargada. O desrespeito à ordem de embargo, só ratifica a impunidade que rege nossas cidades.
    Quem sabe as autoridades de Paraty mostrem aos seus cidadãos, ao demolir uma construção irregular e perigosa, que o poder público tem Poder!
    Hana Fried

    Resposta
  • Avatar
    7 de dezembro de 2019 em 11:32
    Permalink

    Providências devem ser tomadas, urgente!

    Resposta
  • Avatar
    7 de dezembro de 2019 em 17:12
    Permalink

    Esta construção é um absurdo e uma aberração.
    Estou solidaria com o morador autor da denúncia.
    Neste caso o processo de demolição deve ser acelerado para evitar tragédias futuras.
    A prefeitura de Paraty através dos seus órgãos competentes deve agir rapidamente neste caso.

    Resposta
  • Avatar
    8 de dezembro de 2019 em 07:23
    Permalink

    Está construção deve ser paralisada imediatamente e o denunciado multado de forma rigorosa de acordo com as leis previstas para este caso pelos órgãos competentes da prefeitura.
    Chega de impunidade demolição já.

    Resposta
  • Pingback:Sem colunas nem documentos, construção irregular segue apesar de denúncias » VaiParaty.com.br

Deixe aqui sua opinião sobre este assunto!

%d blogueiros gostam disto: